Skip navigation


Alma Exprimida
 
Alma exprimida porque te calas?
Se tua voz é doce embala meu sonho
Será que te exprimes de fato ou reprimes teu ser
Tuas notas são soluços mas falas ao coração
 
 
Alma, alma, gentil alma tua essência é de luz
Medito tuas frases, elas me trazem consolo
Eu as absorvo como se fosse o balsamo
Então minha tristeza sentida tu vens e dissipa
 
São os lábios de  minha criança a sorrir
Que fala tão forte, fala de dor sem o sentir
Não serás tu minha amada  tão jovem?
E divagas serena  tecendo canções
 
Tua mente conhece o presente e o futuro
Mas o passado retratas com cantos de dor
O que rasga teu ventre será que tu sofres?
Pois que exploda em versos qual lindo botão.
 
J.Sollo
 
 
Anúncios

3 Comments

  1. muita fofa essa!!

  2. Obridado Livinha!

  3. Quem dera a dor fosse apenas retrato do passadopois sentir o presente e conhecer o futuro, de fatofaz essa dor triplicar!!!Poema lindo, sentido, verdadeiro e inteligente como tudo que escreves.Terias também o dom de desvendar a alma do poeta?


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

The Picture Book Review

Reviews of Children's Board Books, Picture Books, Activity Books, and Graphic Novels

Portal CQC

Seu portal de notícias sobre o CQC!

Pe. Joãozinho, scj

Just another WordPress.com site

Danimaiolo's Blog

Just another WordPress.com site

%d blogueiros gostam disto: